Menu

Vereadores mirins aprovam seis requerimentos na sessão mirim desta segunda-feira (4)

Vereadores mirins aprovam seis requerimentos na sessão mirim desta segunda-feira (4)

 

A Câmara Mirim de Blumenau realizou, na manhã desta segunda-feira (4), a terceira sessão ordinária do ano. A reunião contou com as presenças das suplentes de vereadores mirins Taynnara dos Santos Silva, representante da Escola Básica Municipal Professor Rodolfo Hollenweger; Thalita Gaulke, representante da Escola Cívico-Militar de Educação Básica Coronel Pedro Christiano Feddersen e Carolina Firmo, do Colégio Shalom, que utilizaram a Tribuna Livre.

 

A suplente de vereador mirim Taynnara dos Santos Silva, da Escola Básica Municipal Professor Rodolfo Hollenweger, reivindicou na tribuna a implantação de mais horários de ônibus, especificamente da via 111 da Santa Clara que faz caminho até o bairro Fidélis. Apontou que existem muitos alunos e muitas pessoas que precisam dessa linha para poder estudar e trabalhar. “Existem muitas crianças que estudam na minha escola nos períodos matutino e vespertino que têm que ficar cerca de 20 a 30 minutos esperando o ônibus e nesse meio tempo ficam brincando no ponto e podem correr risco de serem atropelados ou de acontecer algum acidente”, apontou, pedindo apoio dos colegas vereadores mirins para que apoiem o requerimento da sua titular.

 

A estudante Thalita Gaulke, representante da Escola de Educação Básica Cívico Militar Coronel Pedro Christiano Feddersen, discorreu sobre a importância das mulheres na política. Apontou que com o passar do tempo, as mulheres têm começado a ocupar os espaços de decisão e destacou que a presença das mulheres no espaço político tem quebrado preconceitos e promovido profundas mudanças nas relações domésticas e sociais. Salientou que hoje as mulheres representam metade do eleitorado no Brasil.  “Nos últimos anos, o país tem vivenciado um grande avanço nos debates políticos em torno de questões feministas, onde temas como assédio, aborto, maternidade e carreira vem sendo discutidos amplamente na sociedade e ganhado espaço no cenário político. Ao longo da história, sempre fomos conhecidas como sexo frágil e de que o lugar da mulher era na frente do fogão, mas afirmo que lugar de mulher é onde ela quiser”, sustentou, acrescentando que a luta das mulheres tem progredido não só no Brasil, mas sim no mundo e citou alguns avanços conquistados, como o direito do voto e de ser eleita. Também expressou sua felicidade em ver tantas adolescentes como vereadoras mirins na Câmara.

 

A suplente mirim Carolina Firmo, do Colégio Shalom, fez uma reflexão sobre o dia a dia das pessoas e a gentileza. Apontou que dentro de uma rotina agitada, atribulada e estressante muitas pessoas acabam se preocupando somente com seu bem-estar e sem se preocuparem com os outros. Disse que a sociedade atual está pouco focada em ver o outro, mas só pensar em si mesmos. “Essa é a postura da sociedade atual. Os pequenos atos de gentileza são esquecidos, por muitos considerados apenas bobagem. Em meio a tantas desigualdades, preconceitos e violência devemos refletir será que o mundo não seria um lugar melhor se fizéssemos o bem uns para os outros?  A resposta é sim, com simples atos de gentileza, como cumprimentar alguém, demonstrar um sorriso, um abraço, podem fazer o dia de uma pessoa mais feliz. Não sabemos o que se passa na vida dos outros e mesmo pequenas atitudes podem melhorar o dia de alguém”, salientou, ressaltando que com boas atitudes, demonstrando gentileza e respeito se faz um mundo melhor.

 

Os vereadores mirins titulares também ocuparam a tribuna para realizarem seus pronunciamentos. Foram abordados temas como alerta sobre o bullying, pedidos de implantação de mais horários e linhas de ônibus nas comunidades, reivindicações dos educandários, como pavimentação de rua e cobertura de quadra de esporte e implantação de treinamento contra incêndios em escolas, como também um alerta sobre os focos do mosquito aedes aegypti e os casos de dengue no município, assim como apresentação de projetos em favor da cidade e das escolas.

 

Após os discursos, os vereadores mirins fizeram a discussão e votação das proposições constantes na Ordem do Dia, sendo dos requerimentos de N° 1 ao N° 6. Todos os documentos foram aprovados.

 

A próxima sessão mirim será realizada no dia 18 de abril, às 15h, na Câmara de Vereadores.

 

Requerimentos aprovados:

 

Requerimento N° 1/2022 – De autoria da vereadora mirim Maria Eduarda Coelho, que requer providências para realização de troca de janelas da Escola de Educação Básica Professor João Widemann. O pedido se faz necessário tendo em vista que as janelas estão em péssimo estado de conservação e precisam ser trocadas.

 

Requerimento N° 2/2022 –  De autoria da vereadora mirim Emily Piaz dos Santos, que requer providências no sentido de solicitar a presença de um guarda da Seterb

em frente à E.B.M. General Lúcio Esteves. O pedido se faz necessário tendo em vista que em horários de entrada e saída de estudantes, há carros nos lugares de deficientes, idosos e vans escolares, atrapalhando os que realmente necessitam destas vagas.

 

Requerimento N° 3/2022 – De autoria da vereadora mirim Andriely Camile Ritzke, que requer providências no sentido de implantação de mais horários de ônibus (especificamente da via 111 – Santa Clara que faz caminho até o Fidelis). O pedido se faz necessário tendo em vista que a retirada da rota 101 – Fidélis, devido à pandemia, tem afetado toda a comunidade com seus compromissos.

 

Requerimento N° 4/2022 – De autoria da vereadora mirim Helena Pereira Lima, que requer providências no sentido de que seja criada uma Comissão, junto a esta Câmara Mirim, com o apoio do setor Jurídico desta Casa, para que acompanhemos a efetividade da Lei Complementar Nº 994 de 16 de julho de 2015, ou seja, se estão sendo cumpridas as metas, assim como da necessidade do aumento do orçamento para a educação, prevista em lei. O pedido se faz necessário tendo em vista que em diversas unidades de ensino ainda há ausência de professores, nas mais diversas disciplinas. Isso afeta sobremaneira o desempenho acadêmico dos alunos, assim como o lado motivacional, podendo vir a resultar em êxodo escolar.

 

Requerimento N° 5/2022 – De autoria da vereadora mirim Alana de Melo Hoegen, que requer providências no sentido da volta de atividades extracurriculares na E.B.M. Profª Adelaide Starke nos contraturnos; sendo fornecidas aulas de Karatê, Ginástica e Teatro, juntamente com os respectivos materiais necessários para a execução de tais. O pedido se faz necessário tendo em vista que as atividades seriam de grande ajuda na coordenação motora e visual, considerando também que contribuiria muito na expressão de ideias e opiniões dos estudantes.

 

Requerimento N° 6/2022 – De autoria da vereadora mirim Alana de Melo Hoegen, que requer providências no sentido de realizar a construção de um lugar específico para dispor o reciclado na E.B.M. Profª Adelaide Starke. O pedido se faz necessário tendo em vista que por muitas vezes a arrecadação acaba atrasando e por falta da cobertura adequada ocorre a danificação dos materiais.

 

Veja Também

 

O álbum de fotos da reunião ordinária

O vídeo da sessão ordinária na íntegra 

 


Fonte: Assessoria de Imprensa CMB | Foto: Denner Ovidio | Imprensa CMB

 

This is a unique website which will require a more modern browser to work!

Please upgrade today!

Skip to content