Menu

Vereadores mirins aprovam seis requerimentos na sessão desta segunda-feira

Vereadores mirins aprovam seis requerimentos na sessão desta segunda-feira

A Câmara Mirim de Blumenau realizou, na manhã desta segunda-feira (12), a 11ª sessão ordinária da atual legislatura. A reunião, que aconteceu no plenário, contou com as presenças dos alunos e da diretora da Escola de Educação Básica Governador Celso Ramos. No início da sessão, o vereador Professor Gilson (PSD) e a vereadora mirim suplente Janiara Lara Cordeiro, da Escola de Educação Básica Professor João Widemann, utilizaram a Tribuna Livre.

O parlamentar Professor Gilson ocupou a tribuna para divulgar e chamar atenção dos parlamentares mirins para o Agosto Laranja, mês dedicado à conscientização da mielomeningocele. O projeto que criou o Agosto Laranja foi proposto por ele e subscrito pelos vereadores Alexandre Matias (PSDB) e Marcos da Rosa (DEM), aprovado no Legislativo e sancionado em 2017. Conhecida como Espinha Bífida, a Mielomeningocele é uma malformação congênita, caracterizada pelo fechamento incompleto do Tubo Neuronal. A lesão se localiza na extensão coluna vertebral. O proponente explicou que a proposta surgiu depois que foi procurado pela presidente da Associação de Amigos, Pais e Portadores de Mielomeningocele (AAPPM), para criar um mês e uma cor no sentido de demostrar a importância de divulgar a doença, chamar atenção e conscientizar à população sobre a patologia e divulgar as ações que a entidade realiza.

“O senso comum critica, dizendo que é mais uma cor e mais um mês, mas uma mãe que possui um filho com esta doença, com certeza, sabe da importância de se ter um mês para dar visibilidade para esta patologia e chamar atenção da sociedade para isso, acabando com o preconceito. Muitos desconhecem esta patologia e quando a Câmara consegue propor um mês e uma cor e consegue dar visibilidade, divulgando materiais no município, falando sobre isso, é muito importante. Com isso, nós conseguimos fazer com que as pessoas entendam e se coloquem no lugar dos pais e familiares que têm filhos com esta doença. Este é o nosso objetivo enquanto vereadores servir as pessoas não importando o que vão dizer”, destacou, convidando os parlamentes mirins para que se informem mais sobre a doença e divulguem e multipliquem as informações nos seus ambientes de convivência. O parlamentar também informou que o Agosto Laranja também foi criado a nível estadual.

Em outro momento, ocupou a tribuna a vereadora mirim suplente Janiara Lara Cordeiro, representante da Escola de Educação Básica Professor João Widemann. A estudante falou sobre a cultura do estupro. Apontou o que trata o Código Penal em relação ao conceito de estupro. Trouxe dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) de 2014, que mostram que mais de 50% dos abusos sofridos por crianças e adolescentes foram praticados por pessoas conhecidas e da família. A estudante disse que o instituto também aponta que 90% das vítimas são mulheres e 88% dos agressores são do sexo masculino. “É importante frisar que a criança e o adolescentes, que estão em fase de formação, quando sofrem algum abuso sexual ou algum outro tipo de abuso, provavelmente, vão carregar as marcas disso por sua vida e ter algum desdobramento negativo nas suas relações. Esta cultura é o reflexo de uma ideologia e sociedade machista, que coloca a mulher como objeto e propriedade do homem”, assinalou, acrescentando que em metade dos casos de estupro entre crianças e adolescentes já havia ocorrido um abuso anteriormente.

Logo após, os vereadores mirins fizeram seus discursos na tribuna. Entre os assuntos abordados estavam o Dia do Estudante, celebrado em 11 de agosto; a Lei do Aprendiz; a divulgação da Caminhada da Vila Itoupava e o projeto “Carbono Zero”, que está sendo desenvolvido pela Câmara Mirim e a Faema.

Durante a Ordem do Dia, os parlamentares mirins discutiram e votaram nos requerimentos de Nºs 90 a 95. Todos os documentos foram aprovados.

A próxima sessão mirim está agenda para o dia 26 de agosto, às 15 horas, no plenário da Câmara Municipal.

Requerimentos aprovados:

Requerimento Nº 90 – De autoria do vereador mirim Lucas Theiss Luiz, representante do Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires. O documento pede providências no sentido de colocar banheiros químicos em pontos de maior concentração de pessoas na rua XV de Novembro. O pedido se faz necessário tendo em vista que naquela localidade existe uma concentração grande de pessoas, desde crianças até pessoas de idade avançada, e no centro da cidade não existem banheiros públicos para uso da população.

Requerimento Nº 91 – De autoria da vereadora mirim Camila Coelho, representante da Escola de Educação Básica Professor João Widemann. O documento pede providências no sentido de consertar o buraco localizado na Rua Elios Wirth, no Bairro Salto do Norte, em frente à casa de número 50. O pedido se faz necessário tendo em vista que com a deformação existente os veículos têm dificuldade para realizar a passagem pela rua, podendo causar diversos danos aos automóveis.

Requerimento Nº 92 – De autoria do vereador mirim Andrei Felipe Imthurm, representante da Escola de Educação Básica Coronel Pedro Christiano Feddersen. O documento pede providências no sentido de fornecer novas bolas de vôlei e futsal para as aulas de Educação Física da sua escola. O pedido se faz necessário tendo em vista que as bolas disponíveis já estão gastas.

Requerimento Nº 93 – De autoria do vereador mirim Gabriel Reitz Buerger, representante do Colégio Alfa Castelo. O documento pede providências no sentido de implantar duas faixas de pedestres, sendo uma na Rua Florânia, nº 223, em frente ao Alfa Castelo e outra na Rua Capivari, em frente ao ginásio do Alfa Castelo. O pedido se faz necessário tendo em vista que o grande fluxo de veículos ali existente compromete a segurança dos estudantes que passam pelo local.

Requerimento Nº 94 – De autoria do vereador mirim Gabriel Ianczkovski, representante do Colégio Bom Jesus Santo Antônio. O documento pede providências no sentido de fiscalizar e, se for o caso, determinar a construção de uma calçada na Rua Ingo Hering, na altura do estacionamento de motos. O pedido se faz necessário tendo em vista que o trecho em questão não possui calçada, fazendo com que os transeuntes se arrisquem passando pelo meio da rua, onde transitam diversos automóveis que desejam realizar o retorno.

Requerimento Nº 95 – De autoria do vereador mirim Matheus Feliciano de Azevedo, representante da Escola Básica Municipal Machado de Assis. O documento pede providências no sentido de reconstruir uma nova ponte, mais resistente, na Rua Bento José da Silva, no Bairro Garcia, próximo ao número 1043. O pedido se faz necessário tendo em vista que havia uma ponte de madeira, porém ela não era muito resistente e quebrou, e a comunidade espera por uma ponte mais resistente no lugar.

 

Veja Também!

A playlist completa no canal do youtube para assistir as sessões mirins

Galeria de Fotos do Instagram

 


Fonte: Assessoria de Imprensa CMB
Foto: Imprensa CMB

This is a unique website which will require a more modern browser to work!

Please upgrade today!

Skip to content